Notícias

Coparticipação: um recurso preventivo que garante a saúde financeira do plano

06 jul 2018 • Fabieli de Paula

Incentivar o uso consciente e garantir o equilíbrio financeiro do plano são preocupações constantes da Amafresp. A coparticipação é a maneira mais efetiva de manter a sustentabilidade da autogestão.

Adotada somente para alguns procedimentos, a coparticipação é um recurso preventivo que contribui para a manutenção do valor da cota, inibindo desperdícios e excesso de agendamentos de consultas e exames. Dessa forma, ao ultrapassar determinado número de utilização, o filiado precisa colaborar com um percentual do valor pago pela Amafresp ao prestador. Vale ressaltar que o cálculo do valor não é feito sobre o custo do procedimento particular.

As taxas e percentuais em coparticipação são aplicados em consultas médicas e exames laboratoriais. Para serviços médicos de alta complexidade, como internações, cirurgias, quimioterapia, não há participação do filiado nos custos. Vale lembrar que a coparticipação não significa a limitação do uso dos serviços de assistência médica e não é um fato novo, existe desde a criação do plano. Confira os procedimentos que têm coparticipação, caso o filiado ultrapasse a quantidade limite:

Em julho, 2.166 associados receberão a cobrança de coparticipação referente aos pagamentos realizados entre outubro de 2017 e março de 2018. Consulte seu Extrato de Utilização na Área Restrita ou no aplicativo Amafresp Saúde. Em caso de dúvidas, entre em contato com o Setor de Cobrança pelo telefone (11) 3886-8813.